Ciência e Tecnologia

Falhas provocam desligamento das duas usinas nucleares de Angra no mesmo dia
23-02-2011 13:33


Vitor Abdala
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro - Em um mesmo dia, diferentes falhas em equipamentos provocaram o desligamento das usinas nucleares Angra 1 e 2, no sul fluminense. A primeira usina a ser desconectada do Sistema Interligado Nacional (SIN) foi Angra 2, às 3h25 de ontem (22), por um problema no circuito de medição de pressão de vapor. Às 8h55 houve um novo problema em Angra 2.

Às 21h49 do mesmo dia, foi a vez de Angra 1 ser desconectada do sistema, por uma falha no medidor de pressão do envoltório de contenção, edifício onde se localiza o reator e os geradores de vapor.

Segundo o superintendente de Angra 2, Antônio Carlos Mazzaro, é a primeira vez que as duas usinas são desligadas no mesmo dia. “Foi coincidência. Não tem relação um problema com o outro. Os eventos são separados e completamente diferentes”, disse Mazzaro.

Segundo ele, a retirada do SIN dos quase 2 mil megawatts (MW) gerados pelas duas usinas não provocará prejuízos à população, porque usinas termelétricas já foram ligadas para compensar a perda de energia.

Mazzaro acredita que Angra 1 poderá ser religada ao sistema nacional ainda na noite de hoje (23). Já a volta de Angra 2 pode demorar um pouco mais. A expectativa é que a usina retorne ao sistema até amanhã (24). A Usina Nuclear Angra 1 começou a operar em 1985. Já a operação de Angra 2 foi iniciada em 2001.

GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.