Ciência e Tecnologia

Petrobras fomenta pesquisas na área de computação científica
13-05-2008 09:33

A Petrobras tem investido alto em computação científica brasileira. Supercomputadores estão sendo instalados em universidades e instituições de pesquisa para fomentar a atividade de pesquisa e desenvolvimento na área de petróleo e gás. Um deles é o supercomputador Netuno, que foi inaugurado hoje, 12/05, no Núcleo de Computação Eletrônica (NCE) da UFRJ (Auditório Maria Irene Mello, no campus do Fundão). Estavam presentes na inauguração do supercomputador o gerente executivo do Centro de Pesquisas da Petrobras Carlos Tadeu da Costa Fraga e o reitor da UFRJ Aluísio Teixeira.

A tendência é de investimento cada maior em pesquisa científica. O gerente executivo do Centro de Pesquisas da Petrobras, Carlos Tadeu Fraga, anunciou que a perspectivas de novas reservas de petróleo irá aumentar o percentual que, de acordo com a lei, é obrigatoriamente investido instituições nacionais de ciência e tecnologia. Segundo a cláusula, pelo menos 1% da receita bruta gerada pelos campos de grande rentabilidade ou grande volume de produção deve ser investido em pesquisa e desenvolvimento, sendo 50% deste valor para instituições nacionais de ciência e tecnologia.

O executivo sinalizou com a possibilidade de que as 38 redes temáticas que hoje recebem os investimentos da empresa aumentam para 50, em curto prazo. “Não faltarão demandas por novas plataformas”, afirmou Carlos Tadeu Fraga, destacando o potencial de desenvolvimento técnico-científico, o momento econômico do país e os mecanismos legais como elementos propícios a um investimento maior em ciência e tecnologia.

O Netuno é considerado a mais poderosa máquina HPC (High Performance Computing – Computação de Alto Desempenho) para uso acadêmico na América Latina e recebeu investimento de R$ 5 milhões da Petrobras. O recurso para a instalação destes equipamentos está inserido no projeto das Redes Temáticas e Núcleos Regionais, modelo de parceria tecnológica pelo qual a Petrobras investe em instituições nacionais de ciência e tecnologia parte da receita obtida em alguns campos de petróleo, seguindo determinação da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP).

Este é o passo inicial de uma estratégia da Petrobras para aumentar significativamente a capacidade acadêmica nacional em computação de alto desempenho. Neste sentido, serão inaugurados ainda este ano, além do Netuno, mais cinco supercomputadores, também de porte expressivo, compondo uma rede computacional chamada Grade BR. Estes supercomputadores, que serão instalados na Coppe, USP, PUC-Rio, UFAL e ITA, totalizarão investimentos de R$24,2 milhões.

AGÊNCIA PETROBRAS
Foto: MARCIA FEITOSA
GUIASJP - Um serviço POW Internet
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.