Cultura

Magia dos bonecos ocupa espaços culturais e hospital em Curitiba
06-07-2016 17:58

O Centro Cultural Teatro Guaíra promove de 11 a 17 de julho, em Curitiba, o 20º Festival Espetacular de Teatro de Bonecos. Participarão 31 companhias do Paraná, de São Paulo, Santa Catarina, do Rio Grande do Norte, da Paraíba e do Ceará, além de um grupo da Argentina.

As apresentações serão no Espaço Bonecos Teatro Guaíra (Sala de Exposições Centro Cultural Teatro Guaíra), auditório Glauco Flores de Sá Brito (Miniauditório do Guaíra), Teatro Zé Maria (Teatro José Maria Santos), na Biblioteca Pública do Paraná, no Teatro Dr. Botica e também no Hospital Pequeno Príncipe, para pacientes.

O 20º Festival de Teatro de Bonecos é uma realização do Centro Cultural Teatro Guaíra, Governo do Paraná, Ministério da Cultura e governo federal, com patrocínio da Copel e Sanepar. O festival tem apoio da Lei de Incentivo à Cultura, Instituto Grupo O Boticário e Associação Paranaense de Teatro de Bonecos.

PROGRAMAÇÃO – A grade de programação está no (http://www.teatroguaira.pr.gov.br/arquivos/File/grade_bonecos_2__1.pdf). A maioria dos espetáculos tem entrada livre. Há dois com indicações para crianças de 2 a 7 anos de idade (Dia Claro, Noite Escura e João Come Feijão) e um espetáculo adulto (A Mariana e a Benzedeira da Ilha).

No primeiro dia do festival estão programadas três apresentações gratuitas no Espaço Boneco Teatro Guaíra. O Caixinha Lambe Lambe apresentará Na Varanda, Quarto de Bebê e Antonina Little Star, Todos ficarão em cartaz até o dia 15, das 11h às 14h.

HOMENAGENS – Também no Espaço Boneco Teatro Guaíra, às 14h, acontecerá aula-espetáculo do Teatro Ventoforte, com Ilo Krugli, um dos homenageados desta edição. Krugli deixou Buenos Aires e se mudou para o Rio de Janeiro, em 1961. Trouxe para o Brasil a experiência de artista plástico, educador, diretor, autor e ator de teatro. Foi professor de crianças, jovens e adultos, recebeu prêmios e é um dos criadores do Grupo Ventoforte.

Por este trabalho, o 20º Festival de Bonecos presta homenagem a Ilo Krugli que, aos 85 anos, continua aliando arte e educação para formar cidadãos. A aula-espetáculo com o Krugli é um diálogo do autor com o público que, sem dúvida, fez, assistiu, sonhou e brincou, criando uma conversa que conta, canta com bonecos e que com os imaginários que cabem neste Festival.

Outra homenagem será aos 400 anos de morte de William Shakespeare, feita pela Cia, Abração, com uma releitura da peça Sonhos de Uma Noite de Verão. Nesta adaptação, quatro velhinhos contadores de histórias usam objetos para narrar a saga dos encontros e desencontros de dois casais.

ESTRANGEIROS – O único espetáculo estrangeiro do festival vem da Argentina, Alicia. Ensueño de Maravillas, com direção de Alejandro Busto e participação de Tristana Muraro. Alicia. Ensueño de Maravillas propõe o encontro com a imaginação criadora frente à aventura dos tempos. A montagem usa diversas técnicas, como teatro de sombras, dança, acrobacia aérea, títeres, desenho e projeção audiovisual para dar vida a um mundo onírico. A trilha sonora foi especialmente criada para o espetáculo por Gato Urbanski e Germán Cantero.

PROGRAMAÇÃO

ESPAÇO BONECOS/SALA DE EXPOSIÇÃO CENTRO CULTURAL TEATRO GUAÍRA

Endereço: Rua Conselheiro Laurindo, s/n, Centro, Curitiba, anexo à bilheteria

De 11 a 15 de julho das 11h às 14h

Apresentações gratuitas

Caixinha Lambe Lambe - Na Varanda

Livre – 5 minutos

Trágica Cia de Arte – Curitiba/PR

Timóteo é um velho simpático que perambula pelas ruas a oferecer seus “Consertos & Concertos”. Desta vez, ele chega numa pequena vila e oferece os serviços de uma maneira muito peculiar. Por que será?

Caixinha Lambe Lambe - Quarto de bebê

Livre – 5 minutos

Trágica Cia de Arte – Curitiba/PR

Em uma noite fria, de lua cheia, a “Bonitinha” tenta dormir. Mas quando a cidade silencia, iniciam os ruídos da casa e dos sonhos. O espetáculo ilustra de forma lúdica os terrores noturnos vividos por uma criança.

Caixinha Lambe Lambe - Antonina Little Star

Livre – 3 minutos e 20 segundos

Escola do Ator Cômico – Curitiba/PR

Antonina é uma doce senhora que passa os dias atrás de uma máquina de costura. Outrora fora cantora de rádio, mas a vida a levou para outros caminhos. Antonina pode ter se esquecido de seus sonhos, mas seus sonhos nunca se esqueceram dela.

Dia 11 de julho, às 14h

Aula espetáculo com Ilo Krugli, homenageado do 20º Festival de Teatro de Bonecos

Livre – 40 minutos

Ilo Krugli deixou Buenos Aires e se tornou cidadão brasileiro. Para o Rio de Janeiro, onde se instalou em 1961, ele levou a experiência de artista plástico, educador, diretor, autor e ator de teatro. É um dos criadores do Grupo Ventoforte.

Dia 12 de julho, às 14h

Show de Bichos

Livre – 45 minutos

Grupo: Associação Arte Boa - Oficina de Teatro de Bonecos – Maringá/PR

Técnica de utilização de bonecos de fio. Os bonecos sempre têm o formato de bichos que habitam a terra, despertando a consciência ambiental para viver em harmonia com a natureza. O show dos bichos agrega em sua estrutura seres humanos, animais e outros seres jamais vistos.

Dia 13 de julho, às 15h e às 17h

Teatro de João Redondo de Josivan de Chico Daniel

Cia Os Herdeiros de Chico Daniel

Livre – 40 minutos

O mais ilustre representante do ramo do mamulengo, denominado João Redondo, gênero que floresceu no Rio Grande do Norte. Os mestres Josivan e Daniel, filhos do finado Chico de Daniel, são os reis da sutileza, dela se valendo para impregnar suas funções de caudaloso improviso, insinuações e maledicências. João Redondo, Baltazar e outros personagens valorizam a cultura popular nordestina e perpetuam o teatro de bonecos dentro da cultura popular.

14 de julho, às 14h

O Boi Encantado - Um Mergulho no Maravilhoso Folclore Brasileiro com a Cia Boca de Cena (João Pessoa/PB)

Livre – 40 minutos

O Boi Aruá ou o Boi Azul, como é mais conhecido, é uma criatura encantada que possui o dom de realizar desejos em troca de versos. Tal dom desperta o interesse da bruxa Maquiavelha que, enlouquecida pela cobiça, tenta roubar os poderes do animal. Mas o menino Tuca e a menina Anita farão de tudo para salvar a criatura encantada e destruir a maldade da bruxa. O espetáculo é narrado pelo poeta cantador Cavaleiro Brincante, que coloca em cena elementos tradicionais da cultura nordestina através de versos de cordel, toadas e loas.

15 de julho, às 14h

El Gran Circo - Teatro de Luvas, com a Cia Mútua (Itajaí/SC)

Livre – 40 minutos

Espetáculo de teatro de animação concebido a partir de quatro textos do autor argentino Guaira Castilla, usando linguagem do teatro de bonecos de luvas para contextualizar um tradicional circo teatro.

AUDITÓRIO GLAUCO FLORES DE SÁ BRITO/ MINIAUDITÓRIO DO GUAÍRA

Endereço: Rua Amintas de Barros, s/n, Centro, Curitiba

Ingressos: R$10,00 e R$5,00

11 de julho, às 16h

Sonho de Uma Noite de Verão com a Cia do Abração

Livre – 50 minutos

Nesta adaptação de Sonho de Uma Noite de Verão, de William Shakespeare, quatro velhinhos, contadores de histórias usam objetos para narrar a saga dos encontros e desencontros de dois casais. Desta forma, brincando de faz de conta com simples objetos do cotidiano, estes contadores reavivam adultos a maneira de ver o mundo com os olhos da criança e aproximá-la da obra de um dos maiores dramaturgos universais.

12 de julho, às 16h

Era Um... Eram Dois... Eram Três..., com Di Trento Produções – Curitiba/PR

Livre – 40 minutos

O que podemos encontrar na tenda de um contador de histórias? Livros, caixas, baús, malas, ratos. O que, ratos? Sim, três simpáticos ratinhos, brincando de esconder. E eles dão a partida para uma grande aventura. Cada ratinho protagoniza uma história.

13 de julho, às 16h

Irmãos Zulus, com a Companhia Karagozwk (Curitiba/PR)

Livre – 40 minutos

Mandela seguia a trilha de seus irmãos que tinham partido há muitas luas, em busca de fortuna. Depois de muito procurar, Mandela os encontrou e eles continuaram a jornada. No caminho acharam um reino estranho onde os habitantes foram transformados em pedra. Um velho ancião lhes contou que toda vida poderia voltar caso fizessem três tarefas. Mas quais tarefas? O autor Rogério Andrade Barbosa conheceu esta narrativa encantadora entre os Zulus, uma população que vive ao Sul do continente africano.

14 de julho, às 16h

A Busca de Tu-Hu, com a Cia AnalgesicAdalgisA (Curitiba/PR)

Livre – 45 minutos

O espetáculo se aproxima de dados da biografia do maestro e compositor Villa-Lobos para construir uma fábula sobre as grandes viagens, que a música (e toda forma de arte) pode nos proporcionar. O menino Tu-Hu (este era o apelido de Villa quando criança) deseja criar a musica mais bonita que já existiu e para isto precisa conhecer um pouco das já existentes.

15 de julho, às 16h

Viva Vivaldi, com Manoel Kobachuk (Curitiba/PR)

Livre – 45 minutos

Dois atores apresentam de uma forma lúdica As Quatro Estações de Vivaldi. Com figurinos de época, os atores manipulam o boneco Vivaldi que, após uma breve introdução, apresenta os quatro concertos (subdivididos em três movimentos) que compõem a obra.

16 de julho, às 16h

Entre Janelas, com Tato Criação Cênica (Curitiba/PR)

Livre – 40 minutos

Inspirado no livro Uma Janela Entre Dois Amigos, do mineiro Gustavo Gaivota, o espetáculo conta a história de um menino e seu melhor amigo, o cachorro Pitu. Um dia o menino ganha de presente um computador. Na janela do notebook ele abre várias outras janelas e pode ir a qualquer lugar sem sair de seu quarto. Do lado de fora, Pitu espera por um momento de brincadeira, mas seu companheiro não tem mais tempo para ele, está muito impressionado com seu novo amigo tecnológico. O menino terá então que descobrir uma forma de reconectar-se ao velho amigo.

17 de julho às 17h

As Primeiras Aventuras de Dom Quixote de la Mancha e seu Fiel Escudeiro Sancho Pança, com o Grupo Teatral Auto-Peças (Curitiba/PR)

Livre - 40 minutos

Inspirado nos clássicos personagens de Miguel de Cervantes. De tanto ler histórias de cavalaria, um ingênuo fidalgo espanhol, passa a acreditar piamente nos feitos heroicos dos cavaleiros medievais e decide se tornar, ele também, um cavaleiro andante. Para tanto, recorre a uma armadura enferrujada que herdara do bisavô, confecciona uma viseira de papelão e se auto intitula Dom Quixote de La Mancha.

TEATRO JOSÉ MARIA SANTOS

Endereço: Rua 13 de Maio, 655, Centro, Curitiba

Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00

11 de julho, às 20h

Alicia. Ensueño de Maravillas

Livre – 50 minutos

Proposta original do clássico de Lewis Carrol, Alice no País das Maravilhas, tem direção de Alejandro Busto e participação de Tristana Muraro. Alicia. Ensueño de Maravillas propõe o encontro com a imaginação criadora frente à aventura dos tempos. A cada quadro, outro som, outro corpo. Alicia lê, dança, brinca, beija, sonha, corre e voa. Esta montagem usa diversas técnicas como teatro de sombras, dança, acrobacia aérea, títeres, desenho e projeção audiovisual para dar vida a um mundo onírico.

12 de julho, às 20h

Os Artistas, com Cia dos Ventos (Curitiba/PR)

Livre – 45 minutos

O espetáculo é o resultado da pesquisa do Boneco Gigante no seu aprofundamento cênico. Tanto os bonecos como o cenário e adereços são confeccionados na técnica do cardboard. O espetáculo também trabalha com o teatro de sombras e audiovisual.

13 de julho, às 20h

O Cavalo Branco de Muriah, com Cia Filhos da Lua (Curitiba/PR)

Livre – 50 minutos

Muriah é um menino que não tem medo de sonhar. Em sua cadeira de rodas, provoca todos a andar ao encontro do seu Cavalo Branco (sonho de vida). Viver com intensidade é uma aventura que o teatro torna real. Poesia para ir além dos limites.

14 de julho, às 20h

O Jardim de Francisco, com Almazém Produções Artísticas Ltda (Curitiba/PR)

Livre - 45 minutos

Relata a vida de Francisco de Assis, nascido na província de Úmbria, no centro da Itália. O espetáculo retrata de forma lúdica e usa fatos marcantes da vida de um dos mais significativos homens da história da humanidade e que até hoje influencia na forma de viver e pensar de muitos. Através de imagens e canções, estimula na criança e no adulto, a prática do bem e da verdade.

15 de julho, às 20h

A Mariana e a Benzedeira da Ilha, com Cia Sandra Baron (Jaraguá do Sul/SC)

Espetáculo adulto – 45 minutos

História de duas mulheres de diferentes gerações que querem preservar suas crenças. Ana Francisca é avó de Mariana, ela é benzedeira. Mariana, Suzana e Zecão são jovens e vivem os tempos onde a medicina deixa as benzedeiras sem sentido. Mariana ama o mar, mas não sabe de onde vem, nem para onde vai. Através da relação com a avó Mariana achará as respostas.

16 de julho, às 16h

A Caixa, com Cia Mútua (Itajaí/SC)

Livre – 40 minutos

Tudo começa quando brinquedos destruídos e desprezados são jogados no lixo dentro de uma caixa. Atores inconformados resolvem interferir na história e dar vida aos brinquedos.

17 de julho, às 16h

O Intrépido Anãmari, com Bricoleiros (Fortaleza/CE)

Livre – 40 minutos

Em uma floresta encantada, o aprendiz de feiticeiro Anãmiri perde o poder de flutuação quando uma bruxa lança nele um feitiço. Sem flutuar fica indefeso. O mestre do aprendiz vai buscar o antídoto. A plateia é convidada a participar de uma perigosa jornada e sem perceber se torna novos personagens.

BIBLIOTECA PÚBLICA DO PARANÁ

Endereço: Rua Cândido Lopes, 133, Centro, Curitiba

Apresentações gratuitas

11 de julho, às 15h

Na Cabeça da Poeta, com Substrato Cênico Produções Artísticas Ltda (Curitiba/PR)

Livre - 40 minutos

Espetáculo de teatro de animação sobre a infância “imaginada” de Helena Kolody, usando como referência a origem e alguns de seus poemas. Em um espaço imaginário duas atrizes manipuladoras criam o mundo da poesia. E que mundo é este? O do sonho? Da palavra? Pincelando dentro de sua obra este mundo imaginário é construído, um lugar onde a menina passa o tempo vendo formigas, onde descreve a Araucária com um olhar carregado de significados, um mundo parte dela. A poesia materializada. Um lugar onde o sonho se faz presente.

12 de julho, às 10h

Meninices, com Tibiribão de Teatro de Bonecos (São José do Pinhais/PR)

Livre – 40 minutos

As aventuras são desvendadas na encenação com bonecos e brinquedos folclóricos. Meninices conta a história de João, boneco curioso e atrapalhado que se decepciona com a Cidade dos Bonecos, lugar onde eles vivem. João parte em busca de seu criador, que o ajuda a enfrentar preconceitos.

13 de julho, às 15h

Na Lona com Gengibre, Pimenta e Linguiça, com Cia Sonora (Curitiba/PR)

Livre – 40 minutos

A lona das palhaças Gengibre, Pimenta e do cachorro Linguiça é um carrinho de catadores de materiais recicláveis do qual sai a magia do espetáculo. Com bonecos, apresentam As Aventuras de Breno e Bia no Fundo do Mar, carro-chefe desta grande brincadeira, onde encontrarão uma Sereia, Poseidon, vários peixes e até o terrível Monstro do Lixo. O resultado é poesia, humor e encantamento nas imagens e na sonoridade.

14 de julho, às 10h

As Infindáveis versões de Capuchinho e o Lobo Mau, com Cia Evaldo Barros (Curitiba/PR)

Livre – 45 minutos

Parte do conto do Chapeuzinho Vermelho para apresentar de várias maneiras, a mesma história. A história é apresentada com bonecos e objetos de uso cotidiano, como legumes, óculos e sapatos. Objetivo é despertar a imaginação de crianças, jovens e adultos.

15 de julho, às 15h

Dia Claro, Noite Escura, com Aspart - Imã Produções (Curitiba/PR)

De 2 a 7 anos de idade - 45 minutos

Uma costureira dá vida à sua criação, uma curiosa boneca de pano que representa uma singela história. A montagem foi inspirada em contos dos Irmãos Grimm, tais como “As Moedas-estrelas, A Bela Adormecida e Mingau Doce. Voltado as crianças da primeira infância.

TEATRO DE BONECOS DR. BOTICA

Endereço: Avenida Sete de Setembro, 2775, Rebouças, Curitiba

Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00

13 de julho, às 15h e às 17h

O Patinho Feio, com a Cia Miiller Teatro de Bonecos (Curitiba/PR)

Livre – 45 minutos

O Patinho Feio narra a história de uma pequena ave cuja feiura causa desprezo entre os animais do local onde nasceu. Com uma trama que seduz e encanta, faz questionar sobre a solidariedade e o respeito às diferenças.

14 de julho, às 15h e às 17h

Florentine e Seus Encantamentos, com Grupo Merengue (Curitiba/PR)

Livre – 40 minutos

Adaptação do livro Strega Nona. Fala sobre as tomadas de decisões e escolhas que as crianças devem fazer, das tarefas dadas em casa e da construção da responsabilidade infantil na execução das mesmas. Vovó Florentine é uma senhora muito bondosa que ajuda a todos com chás e conselhos. Pedrinho é curado pela avó e decide pagar ajudando nos afazeres da casa. Quando Florentine sai para buscar ervas Pedrinho a desobedece e tenta fazer um encantamento, que dá errado.

15 de julho, às 15h e às 17h

A Margarida Curiosa Visita a Floresta Negra, com Prá Tu Vê Produções Artísticas (Curitiba/PR)

Livre – 45 minutos

Formigas, abelhas, borboletas e minhocas habitam um pequeno jardim. Nele também vive a pequena Margarida, que é muito curiosa. Atrás dos muros do jardim existe a grande floresta negra. Todos têm medo de ir lá, mas Margarida desbrava este mundo enfrentando o desconhecido. O espetáculo nos fala da amizade e da coragem de enfrentar a vida.

16 de julho, às 13h, 15h e às 17h

Gaiolas, com Cia La Polilla Teatro de Bonecos (Paranaguá/PR)

Livre – 40 minutos

Uma história de amor e liberdade. Uma poesia em forma de teatro de bonecos, que conta como um menino que nem sabia o que era ser passarinho, descobre o canto a liberdade de voar e a prisão de uma paixão entre um sonho e a realidade. Uma obra inspirada em Mario Quintana e sua poesia Canção do Amor Imprevisto.

17 de julho às 13h, 15h e às 17h

João Come Feijão, com Mariza Basso Formas Animadas (Bauru/SP)

Crianças a partir de 3 anos de idade - 45 minutos

Em um divertido encontro, um ambulante conta como se tornou o maior vendedor de feijões e com a ajuda do vendedor de preciosidades utiliza as bugigangas da banca para narrar as aventuras do menino pobre que sonhava com dinheiro e poder.

HOSPITAL PEQUENO PRÍNCIPE

Endereço: Rua Desembargador Motta, 1.070, Água Verde, Curitiba

Para pacientes do hospital

14 de julho, às 9h

Malacircus

Livre – 30 minutos

Um marionetista desajeitado transforma uma pequena mala em um grande espetáculo de circo. Com marionetes de fios e muito animado, o espetáculo resgata a infância que permanece nas pessoas.
GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.