Educação

EJA a distância emitia falsos diplomas em SJP
23-06-2016 14:05

Uma escola de cursos a distância, localizada no Centro de São José dos Pinhais, está sendo investigada por falsificação e fornecimento de certificados e históricos escolares falsos. Eles envolvem diplomas dos Ensinos Fundamental e Médio, na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). As investigações levaram à prisão de sete pessoas nesta quarta-feira (22).

Segundo a polícia, o esquema envolvia oito escolas no Paraná, todas de EJA a Distância. Elas prometiam certificados de Ensino Fundamental e Médio e cobravam até R$1,7 mil de cada estudante. Porém, não tinham autorização para emitir os históricos. Quem os fornecia eram outras instituições do mesmo setor, que tinham autorização. O processo, no entanto, é ilegal. A polícia diz ter encontrado também provas fraudadas, feitas por alunos que sequer iam até a escola.

Toda a documentação dos estudantes era enviada por ônibus ou correio para o Rio de Janeiro e Cuiabá, para posterior emissão dos documentos ilegais. “Com estes certificados falsos, muitos fizeram matrículas em universidades e realizaram concursos públicos”, diz o delegado-titular do Nurce, Renato Bastos Figueiroa. “Cerca de 350 alunos estão sendo investigados para saber se tinham ciência da fraude”, explica.

Denominada Operação Volta às Aulas, a ação do Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos (Nurce) cumpriu 42 mandados em 11 cidades de três estados: Curitiba, Pinhais, São José dos Pinhais, Ponta Grossa, Piraí do Sul, Guarapuava, Londrina e Maringá (Paraná), Rio de Janeiro e Nova Iguaçu (Rio de Janeiro) e Cuiabá (Mato Grosso).

Saiba mais!

Publicado: GuiaSJP.com - Jornalista Mauren Luc (Reprodução autorizada mediante citação do GuiaSJP.com)
GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.