Empresa

Funcionários da Gol decidem hoje se paralisam atividades
13-08-2010 15:48

Rio de Janeiro – Os funcionários da companhia aérea Gol decidem hoje (13) se paralisam as atividades por tempo indeterminado. As assembleias estão ocorrendo durante todo o dia nos grandes aeroportos do país. Se for aprovada, a greve deve começar amanhã (14). Os funcionários querem o fim do excesso de horas na jornada de trabalho, do assédio moral e da disparidade salarial. Eles reivindicam ainda participação da empresa no pagamento do plano de saúde.

A presidente do Sindicato Nacional dos Aeroviários, Selma Balbino, afirma que a Gol está coagindo os funcionários e que a empresa só admite atender as questões relacionadas ao excesso da jornada de trabalho e ao assédio moral. Segundo ela, não haverá equiparação salarial, nem participação da Gol no pagamento do plano de saúde.

“No Aeroporto do Galeão, no Rio, já começamos a ter problema. Na última reunião, a empresa fez ameaças veladas de demissão aos trabalhadores, caso votassem a favor da greve”, acrescentou.

Selma reconheceu que a greve causará impacto aos usuários e fez um apelo. “Caso a paralisação ocorra, nós queremos que o público usuário entenda, pois os funcionários da Gol estão lutando, inclusive, por mais segurança, já que o excesso de jornada de trabalho causa a diminuição das capacidades profissionais.”

Até o fechamento desta matéria, a assessoria de imprensa da Gol não havia respondido à solicitação de entrevista feita pela Agência Brasil.


Da Agência Brasil
GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.