Empresa

Gabrielli nega que Petrobras tenha usado manobra para pagar menos impostos
11-05-2009 13:27

Brasília - O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, disse há pouco que “é mentirosa” a reportagem do jornal O Globo publicada no sábado (9), segundo a qual a Petrobras teria deixado de recolher R$ 4,3 bilhões em impostos por ter lançado mão de manobras contábeis.

Gabrielli lembrou que a MP 2.158, de 2001 permitiu que todas as empresas fizessem a mudança do regime de tributação nas operações cambiais. Ele disse também que uma instrução normativa da Receita regulamenta o assunto.

“Houve por parte da Petrobras uma opção contábil, sem danos tributários. Portanto, é absolutamente mentirosa qualquer insinuação de que haja manipulação, manobra ou artifício contábil. Há apenas um escândalo montado, não sei por qual razão".

Para Gabrielli "há muita fumaça e pouca realidade e seriedade" nas denúncias.


Segundo Gabrielli, no primeiro trimestre de 2008 a Petrobras pagou só de Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) R$ 1,233 bilhão e em 2009 pagou R$ 1,1 bilhão. "Caiu pouco". Ele lembrou que o pagamento de impostos pode ser feito tanto pelo sistema de caixa (em dinheiro) quanto por compensação de créditos tributários.

Daniel Lima e Pedro Peduzzi
Repórteres da Agência Brasil
GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.