Serviços Públicos

Agências do Trabalhador promovem mutirão de contratação de pessoas com deficiência
23-09-2015 16:50

Mais de 100 Agências do Trabalhador em todo o Paraná promovem na sexta-feira (25) um mutirão com oferta de vagas de emprego para trabalhadores com alguma deficiência ou que tenham cumprido o Programa de Reabilitação Profissional pelo Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). A ação faz parte da programação da segunda edição nacional do Dia de Inclusão Social e Profissional das Pessoas com Deficiência e dos Beneficiários Reabilitados do INSS, chamado de Dia D.

O evento acontece em todos os estados. No Paraná, a mobilização é coordenada pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social, em parceria com a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego, Sistema Nacional do Emprego (Sine), Ministério Público do Trabalho, INSS, Serviço Social da Indústria (Sesi) e escolas especiais.

De acordo com o superintendente estadual do Trabalho, Jorge Leonel de Souza, o objetivo é dedicar um dia inteiro para esse atendimento especializado. “Vamos intensificar o trabalho de inserção de trabalhadores com deficiência e reabilitados”, disse. “Para isso estamos convidando as empresas que precisam cumprir cotas legais e também as demais que tenham interesse em ofertar vagas e realizar entrevistas nas Agências do Trabalhador neste dia.”

Souza explicou ainda que o Dia D fortalecerá as políticas de empregabilidade para as pessoas com deficiência no Paraná, promovendo assim a inclusão e a igualdade.

Em 2014, a mobilização no Estado contabilizou 771 atendimentos. Foram 754 vagas abertas e 116 trabalhadores colocados no mercado de trabalho.

INCLUSÃO – O programa de Apoio à Inclusão da Pessoa com Deficiência no Mercado de Trabalho e Reabilitados do INSS no Mercado de Trabalho (PPD) está presente nas Agências do Trabalhador de todos os municípios do Estado. Em 25 de setembro, 103 unidades vão promover ações.

De acordo com a supervisora estadual do PPD, Flávia Bandeira Cordeiro, além da colocação de trabalhadores, a mobilização também tem a intenção de expandir a atuação do programa nos municípios.

“A maioria das agências fará encaminhamentos para vagas de emprego, enquanto outras farão um trabalho de conscientização e divulgação do PPD para trabalhadores e empresários”, disse ela. “Mais do que uma ação pontual, queremos que a inclusão desses trabalhadores seja uma prática contínua e que o Dia D se estenda por todos os dias do ano”, concluiu.

PARTICIPAÇÃO – Segundo o gerente da Agência do Trabalhador Central de Curitiba, Rafael Aurélio dos Santos, 17 empresas com sede na Capital já confirmaram presença no evento.

“Teremos a participação de diversos segmentos. Somente na área da saúde serão seis hospitais, além de instituições de grande porte, como a América Latina Logística (ALL) e a Oi Telecomunicação”, contou. “Uma grande rede de supermercados oferece 80 oportunidades de emprego e outra vai selecionar 40 pessoas para participar de um curso, seguido de contratação.”

Nas agências São José dos Pinhais e Curitiba, os candidatos e empregadores vão contar com o apoio de um intérprete de Libras, que auxiliará no processo de cadastramento dos candidatos e nas entrevistas durante todo o dia.

“No ano passado, cinco empresas fizeram entrevistas e formam convocadas mais de 200 pessoas com deficiência. Para este ano já temos três empresas confirmadas”, disse a gerente da Agência do Trabalhador de São José dos Pinhais, Silmara Claudino.

LEI DE COTAS – Desde 1991, as pessoas com deficiência contam com amparo legal para garantir seu acesso ao mercado de trabalho. A Lei de Cotas (Lei 8213/91), no artigo 93, estabelece que toda empresa com 100 ou mais funcionários deve preencher de 2% a 5% dos seus cargos com beneficiários reabilitados ou trabalhadores com deficiência. A regra se aplica a todas as pessoas jurídicas de direito privado, como sociedades empresariais, associações, sociedades e fundações, inclusive entidades sem fins lucrativos.

COMO FUNCIONA – Para se candidatar às vagas para pessoa com deficiência, o candidato deve comparecer à Agência do Trabalhador de seu município e levar Carteira de Trabalho e documentos pessoais, como Carteira de Identidade e CPF. Caso possua laudo médico comprovando a deficiência, o documento também deve ser apresentado.

Nas unidades será feito o cadastro do trabalhador e, se houver uma vaga compatível com o seu perfil, imediatamente será encaminhado para uma entrevista pré-agendada. Algumas empresas terão representantes fazendo a entrevista dentro das agências.

As empresas interessadas em participar da mobilização do Dia D podem procurar a Agência do Trabalhador do seu município.

Fonte: AEN

Os endereços e telefones estão disponíveis aqui!
GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.