Maná da Segunda

Maná da Segunda - A Vida Fora da Zona de Conforto



Por Robert J. Tamasy

Algumas pessoas gostam por natureza de correr riscos. Elas sempre são as primeiras a tentar o paraquedismo ou o bungee jumping. São as que olham o cardápio do restaurante e buscam algo incomum, a preparação mais exótica que poucas pessoas pedem. São indivíduos que, ao invés de optar pela segurança de um emprego numa empresa estabelecida, se aventuram por conta própria, sem nenhuma certeza de sucesso, mas convictos de que não querem se arrepender por não perseguirem seus sonhos.

Eu admiro pessoas assim, porque passei grande parte de minha vida escolhendo o que eu entendia ser o curso seguro e, geralmente, o caminho de menos resistência e estresse, tomando decisões cautelosas e cuidadosamente estudadas e privilegiando ficar com o que sentia ser mais confortável. Contudo, muitas das experiências mais compensadoras que tive aconteceram quando estive disposto a me aventurar para além da minha zona de conforto.

Um orador fez com que eu me lembrasse disto recentemente ao falar sobre “vida no final de sua zona de conforto”. Isso pode significar muitas coisas: a disposição de considerar novas ideias, mesmo aquelas que desafiam seus pontos de vista e compreensão; estar disposto a deixar de lado seu pedido de sempre no seu restaurante preferido para experimentar algo diferente ou mesmo tentar um restaurante novo, não costumeiro!

Ao longo de minha carreira, muitas de minhas realizações mais recompensadoras aconteceram ao final de minha zona de conforto pessoal: tentar submeter um artigo para revista pela primeira vez, correndo o risco da rejeição; colaborar com alguém para escrever um livro pela primeira vez; deixar a garantia de rendimentos seguros para me juntar a um ministério que requer que eu mesmo levante meu suporte financeiro pessoal; concordar em falar publicamente, apesar da minha timidez natural.

Espiritualmente para mim tem sido, em grande parte, a mesma coisa. Eu me lembro de aprender sobre o programa de discipulado do CBMC, “Operação Timóteo”. Pedi a um amigo que ajudasse a percorrer o programa como mentor, mas ele recomendou: “Por que você não encontra uma pessoa a quem você possa conduzir no estudo da Operação Timóteo?” Embora eu não me sentisse totalmente preparado para ajudar outra pessoa a crescer espiritualmente, descobri que aquela experiência estava entre as mais realizadoras que já vivi. E no processo, descobri que a pessoa que cresceu mais rapidamente foi...eu mesmo!

O maior exemplo de ultrapassar o final da nossa zona de conforto, espiritualmente falando, consiste em entregar nossa vida a Jesus Cristo, não apenas por causa da esperança da vida após a morte, mas também pela vida antes da morte – inclusive no ambiente de trabalho. Operando uma empresa ou desempenhando nossas responsabilidades no trabalho, de acordo com princípios bíblicos, especialmente quando são contrários às práticas de nossos pares, definitivamente nos leva para fora de nossa zona de conforto. Aqui estão duas coisas que a Bíblia diz sobre isso:

Apegar-se à integridade quando os competidores não o fazem. Vivendo e trabalhando num mundo competitivo, parece fácil ceder à tentação de agir do mesmo modo que todo mundo. O padrão de Deus, entretanto, é geralmente bem diferente. É preciso fé para não fazer o que todos estão fazendo. “Quem anda com integridade anda com segurança, mas quem segue veredas tortuosas será descoberto.” (Provérbios 10:9).

Confiar em Deus quando as circunstâncias não fazem sentido. Surgem situações que nos pegam desprevenidos, que não podemos compreender e não sabemos como resolver. Geralmente, estas são ocasiões usadas por Deus para nos ensinar a viver fora de nossa zona de conforto e, ao invés disso, encontrar conforto nEle. “Por isso não tema, pois estou com você; não tenha medo, pois sou o seu Deus. Eu o fortalecerei e o ajudarei; Eu o segurarei com a Minha mão direita vitoriosa.” (Isaías 41:10).

Próxima semana tem mais!

Robert J. Tamasy, é jornalista, editor e escritor, e autor de "Business at Its Best: Timeless Wisdom from Proverbs for Today's Workplace" e "Tufting Legacies" (ainda não traduzidos para o português). Em co-autoria com David A. Stoddard escreveu "The heart of Mentoring" e tem editado numerosos outros livros, incluindo "Advancing Through Adversity", por Mike Landry. Tamasy mantém um site www.bobtamasy-readywriterink.com e um blog atualizados semanalmente www.bobtamasy.blogspot.com. Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de Juan Nieto.

MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando Business e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2019 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL

Questões Para Reflexão ou Discussão

1. Você gosta de correr riscos, sempre ansioso para testar o novo e desafiador, ou prefere operar dentro de sua zona de conforto tanto na vida pessoal quanto na profissional? Explique sua resposta.

2. Em sua opinião, por que a maioria de nós acha a zona de conforto tão atraente?

3. Dê um exemplo de quando você se dispôs a sair de sua zona de conforto ou foi forçado a fazê-lo. Quais as circunstâncias e os resultados? Como esta experiência o afetou?

4. Você realmente pensa que confiar em Deus, agindo de acordo com a fé em Jesus Cristo, exige que, muitas vezes, saiamos de nossa zona de conforto? Por quê?

 

Nota: Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Salmos 1:1-6; Provérbios 3:5-6; 16:3, 9; 23:23; Isaías 26:3; 40:27-31; Jeremias 29:11.

 


Veja mais Maná da Segunda

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.