Maná da Segunda

Maná da Segunda - Integridade: A Arte de Ser um Ser Completo



Por Jim Mathis

Já faz algum tempo que escrevi sobre integridade e sua importância para o ambiente de trabalho. Integridade vem da mesma raiz de “inteireza” ou “integral”, significando um ou completo.  Uma maneira de descrever uma pessoa com integridade é alguém que é o mesmo o tempo todo.  Oswald Chambers expressou isso muito bem ao dizer: “Sinceridade significa que a aparência e a realidade são exatamente a mesma.”

O contrário de integridade seria “duas caras” ou um hipócrita, um ator usando uma máscara ou representando um papel.  O que você vê não é necessariamente o que você recebe.  Nós sabemos que isso geralmente existe na esfera da política, mas também se manifesta em outras áreas da vida, inclusive no mundo empresarial e profissional, onde as pessoas fazem o que for necessário para ganhar um contrato ou fechar uma venda.  Mesmo que isso exija uma representação falsa.  

A integridade tem diversos aspectos.  Sinceridade, como Chambers observou, é um elemento dela.  Também o é a honestidade;  mas existem muitos outros aspectos referentes a ela.  Quando comecei meu próprio negócio 44 anos atrás a primeira coisa que fiz foi desenvolver e imprimir uma lista de preços.  Eu queria cobrar de todo mundo o mesmo preço pelo mesmo serviço ou produto, não importando quem fosse.  Para mim ser consistente na precificação é parte básica da integridade nos negócios.  

Outro aspecto é apegar-se firmemente a um código moral.  Em meu papel ocasional como contador, auxiliando pessoas a fazer suas declarações de renda, é preciso manter um alto padrão.  Na verdade, é ilegal preparar, registrar ou assinar uma restituição de impostos se suspeitarmos de que alguma parte dela não seja 100% exata por qualquer razão.  Se eu suspeitar que um cliente não esteja fornecendo informações exatas sobre rendimento ou gastos posso recusar-me a fazer a declaração e ter a segurança de que a companhia vai me apoiar.  

Conheço muitas pessoas que trabalham para organizações públicas ou privadas, até mesmo entidades governamentais, que são solicitadas a fazer coisas que não são do interesse de seus clientes ou do público em geral.  Questões desse tipo aparecem muito nos noticiários.  Pessoalmente, eu me demitiria imediatamente de um emprego que insistisse em me fazer transigir com minha integridade ou caráter de alguma maneira. 

A Bíblia enfatiza a importância da integridade.  Só o livro de Provérbios apresenta inúmeras passagens acerca de virtudes tais como integridade e honestidade.  Aqui estão alguns exemplos:  

A segurança da integridade. Viver e trabalhar com integridade proporciona salvaguardas contra as consequências de agir erroneamente.  “Quem anda com integridade anda com segurança, mas quem segue veredas tortuosas será descoberto.” (Provérbios 10:9).  “A integridade dos justos os guia, mas a falsidade dos infiéis os destrói.” (Provérbios 11:3.  “A retidão protege o homem íntegro, mas a impiedade derruba o pecador.”  (Provérbios 13:6).

O forte fundamento da integridade.  Assim como um fundamento sólido estabiliza a casa, a integridade serve como forte fundamento para uma empresa e também para a vida individual.  “Os lábios que dizem a verdade permanecem para sempre, mas a língua mentirosa dura apenas um instante.” (Provérbios 12:19).  “O rei que exerce a justiça dá estabilidade ao país, mas o que gosta de subornos o leva à ruína.” (Provérbios 29:4).  

Todos nós necessitamos de uma conduta de vida examinada, na qual sejamos abertos e honestos com nós mesmos e com os outros; precisamos estar conscientes da forma que desejamos agir e que espécie de legado queremos deixar.  Meu objetivo é ser o mesmo o tempo todo, apresentar a mesma face para todo mundo, em todas as situações:  ser uma pessoa íntegra.  

Próxima semana tem mais!

Texto de autoria de Jim Mathis, dono de um Estúdio de Fotografia em Overland Park, Kansas, USA, especializado em trabalhos corporativos, comerciais e artes dramáticas. Também dirige uma Escola de Fotografia. Jim é autor de "Câmaras de Alto desempenho", livro para pessoas comuns sobre fotografia digital. Foi dono de uma Cafeteria e Diretor Executivo do CBMC, em Kansas City, Kansas, Missouri. Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de Juan Nieto..

MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando Business e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2019 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL

Questões Para Reflexão ou Discussão  

1. Como você define integridade?

2. Você pode lembrar-se de alguém que demonstrou grande integridade mesmo quando as circunstâncias pediam que ele agisse de modo contrário?

3. E quanto a alguém que tenha demonstrado claramente falta de integridade?  Quais foram as circunstâncias e o resultado?  Quais suas impressões mais duradouras sobre isso?

4. Quando a integridade aparenta oferecer tantos benefícios, inclusive uma consciência limpa, por que, em sua opinião, a falta de integridade geralmente está tão presente no ambiente de trabalho atual? 

Nota: Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Provérbios 11:1;  12:22; 13:17;  16:11;  19:5,9; 20:14, 17, 25;  21:6;  29:10. 

 

 


Veja mais Maná da Segunda

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.