Maná da Segunda

Maná da Segunda - Tirando Vantagem de Momentos Monumentais



Por Jim Langley

Olhando em retrospectiva para a sua vida, quais foram os momentos monumentais – aqueles em que, para o bem ou para o mal, a sua vida foi mudada para sempre? Perder um emprego ou encontrar o emprego dos seus sonhos. Decidir que já era tempo de parar de ser um “empregado” para iniciar o seu próprio negócio. Casar ou tornar-se pai.  

Eu uso a expressão “momentos monumentais” por causa das inúmeras vezes no Antigo Testamento da Bíblia em que Deus instruiu Seu povo a instituir monumentos para servirem como memoriais, lembretes para as futuras gerações de Sua bondade e amor por Seu povo. Aqueles monumentos fizeram com que os israelitas “jamais esquecessem” o que o Senhor tinha feito.

Ao longo de minha vida e carreira, Deus me fez passar por uma variedade de inesquecíveis experiências transformadoras que mereceram monumentos, pelo menos em minha mente. Mas, especialmente por serem mais recentes, minha mente rapidamente vai para “monumentos” específicos relacionados com meu confronto com o câncer. 

Tudo começou com a preocupação do meu médico com um elevado PSA (sigla em inglês para antígeno prostático específico – N.T.) na primavera de 2017. Meu PSA tinha subido 50% desde meu último exame de laboratório dois anos antes. Mesmo depois de consultar um urologista, eu não estava preparado para simplesmente aceitar que eu tinha câncer de próstata.   

Antes de enfrentar as aflições de uma biópsia, perguntei quais outros passos preliminares estavam disponíveis. O urologista aconselhou um teste que mede os riscos hipotéticos de câncer. O resultado do extenso exame de sangue mostrou que a biópsia era de fato apropriada. Os resultados mostraram que eu precisava pensar na remoção do câncer de meu corpo.  

O urologista sugeriu a remoção cirúrgica da próstata para impedir o câncer de se espalhar pelos órgãos. Entretanto, decidi primeiramente explorar os métodos alternativos. Um de meus clientes de seguros havia passado por um tratamento inovador de câncer de próstata alguns anos antes e estava livre da doença já por cinco anos. Assim, aquela me pareceu uma opção promissora. Naquela ocasião, a opção não estava disponível nos Estados Unidos, mas no momento do meu diagnóstico, o urologista do meu cliente havia começado a realizar o inovador tratamento HIFU (sigla em inglês para terapia ultrassônica focalizada de alta intensidade – N.R.) localmente.  

Depois de uma consulta inicial, porém, embora eu estivesse qualificado para o procedimento, os custos se mostraram proibitivos. Quando orei, não senti paz para seguir em frente com o tratamento. Foi então que encontrei um conhecido do golfe que havia lidado recentemente com um câncer de próstata. Ele havia sido aceito em um estudo de saúde patrocinado pelo governo e passara pelo tratamento HIFU com sucesso. Eu investiguei aquela possibilidade, mas diversos testes revelaram que minha condição não alcançava os parâmetros necessários para os dois anos de estudo que poderiam cobrir os meus gastos. Então, fui encaminhado ao urologista que realizava o procedimento HIFU para o estudo. Depois de nos encontrarmos, ele recomendou-me a crioterapia, outro procedimento minimamente invasivo que ele achava ser melhor para as minhas condições. O melhor de tudo é que o meu seguro saúde cobriria quase que todos os custos!

Quando acordei uma hora depois do procedimento, chamado de “crioblação”, fiquei feliz por saber que tudo tinha corrido muito bem. Nos últimos 18 meses tenho experimentado um momento monumental atrás do outro. Como homem de negócios dedicado a seguir Cristo, tinha continuamente orado por sabedoria para lidar com esse diagnóstico devastador, explorando opções e o tratamento subsequente. Provérbios 3:5-6 nos diz: “Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e Ele endireitará as suas veredas.”  Ele verdadeiramente me guiou por caminhos que eu não poderia prever, algo que eu jamais esquecerei.  

Homens de negócios geralmente analisam alternativas e os custos relacionados antes de tomarem decisões importantes.  Como seguidores de Cristo, também precisamos de uma análise sobrenatural para nos assegurarmos de que estamos dentro da vontade de Deus e no caminho que Ele designou. Ao permanecermos fiéis ao Senhor em nossa jornada, podemos dar a Ele toda a glória pelos resultados.    

Próxima semana tem mais!

Texto de autoria de Jim Langley, agente e perito em seguros de vida (CLU), da New York Life, desde 1983. Membro ativo do CBMC Santa Bárbara, Califórnia, desde 1987. Tradução de Mércia Padovani. Revisão de Juan Nieto.

MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando Business e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2019 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL

Questões Para Reflexão ou Discussão  

1. Você tem um “momento monumental” de sua vida que lhe vem à mente imediatamente? Qual o seu impacto sobre a sua forma de proceder em relação a sua vida e carreira?

2. Você pensa que seja importante reconhecer esses momentos transformadores? Por quê? Que diferença faz fazer “monumentos” desses momentos?

3. Você já passou por uma experiência semelhante a do autor, que tomou rumos inesperados? Como foi para você?

4. Na Bíblia, o povo de Deus era instruído a edificar monumentos para lembrar a eles e às gerações futuras do que Ele tinha feito. Que você pensa da importância de ter tais lembranças, mesmo que seja apenas em sua mente?

Nota: Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Gênesis 35:13-15;  Josué 4:19-24;  I Samuel 7:12-13;  Jeremias 29:11;  Romanos 8:35-39.  


 


Veja mais Maná da Segunda

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.