Maná da Segunda

Maná da Segunda: Você não sabia disso, Pop?



Por Robert J. Tamasy



Um dos benefícios de trabalhar no escritório doméstico é a flexibilidade. Posso, quando preciso, cuidar de necessidades pessoais e familiares no decurso do meu dia de trabalho. Isso tem me proporcionado oportunidades únicas, como quando levava minha neta de três anos para a escola, uma vez por semana.



Um dia, eu a apanhei após a aula e fiquei ouvindo sua conversa ininterrupta sobre como tinha sido o dia dela. Ela já tinha mais habilidade em conversação do que muitos adultos. A certa altura, o comentário dela me fez cair na risada. Recobrada a compostura, eu lhe disse: “Você é muito especial!” Sem hesitar, como se fosse a coisa mais trivial do mundo, ela respondeu: “Você não sabia disso, Pop?”



Minha netinha é abençoada por ter pais e avós amorosos, que com freqüência lhe dizem o quanto ela é especial, de modo que ela não tem a menor dúvida disso. Ela o aceita como um fato, do mesmo modo que sabe que grama é verde, e céu é azul. Mas muitos que labutam no meio empresarial e profissional não são tão confiantes sobre o fato de serem especiais.



Podemos ter consciência de habilidades, experiências e talentos que usamos no exercício da vocação que escolhemos. Mas será que realmente nos vemos como “seres especiais”? Com freqüência pessoas são consideradas, no mercado de trabalho, recursos dispensáveis, podendo ser facilmente descartadas, quando seu valor diminui, ou surge alguém capaz de fazer o mesmo trabalho, por menor custo. Certos chefes agem como se elogios e cumprimentos por boa performance fossem uma profanação inaceitável. Assim, alguns podem jamais ouvir no seu trabalho, o quanto são especiais e valiosos.



Mas existe um lugar ― na Bíblia ― onde podemos ver sem sombra de dúvidas, que o Deus de todo o Universo nos considera muito especiais. Recordemos a importante declaração: “Porque Deus tanto amou o mundo que deu o Seu Filho Unigênito, para que todo o que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3.16). O “todo o que” desta frase inclui você e eu! Em outro lugar, a Bíblia afirma: “Mas Deus demonstra Seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores” (Romanos 5.8). Em outras palavras, embora indignos de Seu amor, Deus nos aceita. E a Bíblia diz mais sobre sermos “especiais” aos olhos de Deus:



. Deus tem planos especiais para nós. Não é bom saber, ao sermos contratados, que o diretor tem planos especiais para nós na empresa? Muito antes de termos dedicado um único pensamento a Deus, Ele já tinha claras intenções, um projeto específico, para nossa vida. “Porque sou Eu que conheço os planos que tenho para vocês, diz o Senhor, planos de fazê-los prosperar, e não de lhes causar danos, planos de dar-lhes esperança e um futuro... Vocês Me procurarão e Me acharão quando Me procurarem de todo o coração” (Jeremias 29.11,13).



. Deus tem um chamado especial para nós. No mercado de trabalho, como na vida, saber que há uma função definida, especialmente planejada para nós, traz alegria e sentimento de realização incríveis. A Bíblia diz que, aos seguidores de Cristo foi-lhes atribuída uma tarefa muito especial:“Rejeitada pelos homens, mas escolhida por Deus e preciosa para Ele... Vocês também estão sendo utilizados como pedras vivas na edificação de uma casa espiritual para serem sacerdócio santo” (I Pedro 2.4-5).



. Deus tem um lugar especial para nós. Você se lembra do entusiasmo que sentiu quando lhe mostraram pela primeira vez o seu escritório ou estação de trabalho e saber que aquele lugar estava reservado especialmente para você? Jesus diz que o mesmo é verdadeiro em relação à eternidade. “Na casa de Meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, Eu lhes teria dito. Vou preparar-lhes lugar” (João 14.2).


Próxima semana tem mais!


--------------------------------------------------------------------------------

Texto de autoria de Robert J. Tamasy, vice-presidente de comunicações da Leaders Legacy, corporação beneficente com sede em Atlanta. Georgia, USA. Com mais de 30 anos de trabalho como jornalista, é co-autor e editor de nove livros. Recentemente colaborou com David A. Stoddard em "The Heart of Mentoring: 10 Proven Principles for Developing People to Their Fullest Potential" (A Essência de Mentorear: 10 Princípios Provados Para o Desenvolvimento Pessoal em Todo o Seu Potencial" e, com Ken Johnson, “Pursuing Life With a Shepherd’s Heart” (Vivendo Com um Coração de Pastor). Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de J. Sergio Fortes (jsfortes@globo.com)


MANÁ DA SEGUNDA® é uma edição semanal do CBMC INTERNATIONAL, uma organização de âmbito mundial, não-denominacional, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial.

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL , CP. 1515, Barueri, SP, 06493-970. E-mail: mana@cbmc.org.br -A

Veja mais Maná da Segunda

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.