Reflexão

Curas e Milagres



Vamos abordar o tema vinculado ao tema geral “No Poder do Espírito”. Certamente esta é uma das áreas mais polêmicas e sensíveis ligadas a ação do Espírito Santo de Deus em nossos dias. Afinal, temos grandes expectativas quanto ao agir de Deus em nossas vidas e na vida daqueles a quem amamos.

Curas e Milagres são os métodos preferencias de Deus agir e intervir em nossa realidade? Afinal, Deus ainda cura hoje, ainda opera sinais e milagres, ou Ele mudou sua metodologia de se revelar ao mundo? Curas e milagres são coisas restritas aos tempos de Jesus e ao seu ministério? Ou deveríamos talvez inverter a pergunta: Se Deus é Onipotente e é Amor, de quem é a culpa se Ele não age respondendo ao nosso clamor por curas e milagres?

Quando nos referimos à onipotência de Deus, estamos reconhecendo que Deus é de fato O Todo-poderoso; contudo, esquecemo-nos que sua onipotência inclui também o exercício de Sua escolha para utilizar o Seu poder ilimitado e refletir Sua Glória Divina e realizar Sua Vontade Soberana. Como todos os outros atributos de Deus, a Sua onipotência tem uma base moral. Isto é, Ele não faz coisas apenas para impressionar as pessoas – como certamente nós agiríamos se tivéssemos poder semelhante. Jesus rejeitou a tentação de usar o seu poder em benefício próprio e promoção pessoal. Ele utiliza o Seu poder para engrandecer a Glória do Pai e para realizar a Sua Vontade Perfeita.

Algumas vezes agimos como se o poder de Deus pudesse ser acionado em nosso favor segundo a nossa vontade. Jamais podemos separar a onipotência de Deus da sua soberania. É o que declara Apocalipse 19.6: “Aleluia! Pois já reina o Senhor nosso Deus, o Todo-poderoso.” . Isto é, sua onipotência está ligada às suas leis (também as ditas “leis naturais”), e estas estão ligadas à sua vontade. Por isso, para receber o seu poder, você tem de estar ligado à sua vontade.

É assim que Jesus vivia. Ele afirma expressamente: "Eu lhes digo verdadeiramente que o Filho não pode fazer nada de si mesmo; só pode fazer o que vê o Pai fazer, porque o que o Pai faz o Filho também faz”. E um pouco adiante Ele diz: “Por mim mesmo, nada posso fazer; eu julgo apenas conforme ouço, e o meu julgamento é justo, pois não procuro agradar a mim mesmo, mas àquele que me enviou.” (João 5.19, 30). Portanto, quanto mais conhecermos a Deus e a Sua Vontade, tanto maior a probabilidade de que nossas orações estejam em sintonia com essa Sua Vontade Perfeita. Este é o maior e melhor milagre que podemos esperar em nossas vidas e neste mundo. “Seja feita a Tua Vontade, assim na terra como no céu.”

Pr. Jacson H. Eberhardt

Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.