Reflexão

Intercessor



E sucedia que, tendo decorrido o turno de dias de seus banquetes, enviava Jó e os santificava; e, levantando-se de madrugada, oferecia holocaustos segundo o número de todos eles; pois dizia Jó: Talvez meus filhos tenham pecado, e blasfemado de Deus no seu coração. Assim o fazia Jó continuamente. (Jó 1:5)

O coração de um intercessor é um coração inquieto, creia-me. É incessante o desejo de buscar a Deus em favor daqueles que amamos, mesmo em momentos onde um certo “egoísmo” se justificaria. Se todos em casa estão doentes, o pai intercessor ora mais pelos seus do que por si mesmo. Se há escassez de pão o intercessor busca sustento para os demais. Se há tribulação, o intercessor clama pelo bem-estar dos amados. Ser um intercessor é colocar-se intencionalmente por último na fila.

Seja através de um ministério formal, como algumas igrejas e comunidades têm estabelecido, seja apenas no coração daqueles a quem o Pai chamou – os intercessores têm um papel muito importante na obra de Deus. Eu não imagino como a obra de Deus teria caminhado por mais de 20 séculos sem gente cujos joelhos ficam mais dobrados do que esticados, cuja petição supera o interesse próprio ou cujo coração se importa menos consigo do que com os demais. São os interecessores lubrificando as engrenagens.

Lembro-me de uma história de uma senhora muito simples que sentava-se no fundo todos os cultos e nunca falava nada. Quando o seu pastor chegou na glória, pensando ser o “grande homem”, o Senhor lhe informou que havia alguém maior que ele. Adivinha quem era? Era aquela mesma senhora que orava por ele.

Sem intercessores eu me sinto realmente nú, seja para pregar a Palavra ou para qualquer outra coisa. Não saio de casa sem destacar um guerreiro para minha cobertura, não vou pregar sem algum interecessor para me abençoar. E sou, frequentemente, cobertura para outros no papel de intercessor. Obviamente, meus filhos e minha esposa são meus alvos prioritários de oração, em seguida meu pastor e meu discipulador.

Não é preciso ser um super-homem, basta ter vontade e coração para interceder. O resto cabe ao Espírito Santo, como foi com Jó – mesmo na dúvida, oferecendo sacrifícios pela vida de seus filhos.

“Senhor, eu amo a Tua Palavra e o Teu Reino, mas sei que o mundo jaz no maligno e preciso de cobertura. Obrigado por aqueles que intercedem por mim e pela oportunidade de inteceder por outros.”

Mário Fernandez


Queremos servir ao povo de Deus de língua portuguesa, oferecendo um serviço que possa Edificar o Povo de Deus na Internet.
Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.