Reflexão

O Casamento como apoio emocional



Não é bom que o homem esteja só, far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe seja idônea. (Gênesis 2:18)

Mesmo estando no Jardim do Éden, Adão tinha um problema. Um lugar perfeito em que ele tinha tudo de que necessitava, dirigia todas as coisas, nomeava todos os animais, falava com Deus a todo momento, mas ele estava se sentindo só.

Deus observou isto e disse “não é bom que o homem esteja só”. Então, partiu do coração de Deus dar ao homem uma companheira. É interessante notar que os seres celestiais não vivem em par, não há isto nos céus. Enquanto isto, no reino animal estes se relacionam, mas não possuem a vida espiritual que possa dar um novo sentido a esta união.

O homem, portanto, é um ser singular, feito de carne e osso mas possuindo vida espiritual. A única criatura de Deus que é assim.

Um homem somente estará completo quando estiver ao lado de sua companheira, e ele buscará esta companheira quando se sentir só. Tomo como exemplo a minha vida.

Guardei-me para minha esposa, pois não queria que minha alma fosse machucada até que encontrasse quem seria minha esposa. Sendo assim, namorei apenas a ela, e foi uma decisão acertada esta.

Mas um dia, acordei e me senti só. Entendi que precisava de alguém ao meu lado e, ao acender esta chama dentro de mim, comecei a buscar a minha companheira.

Interessante que, ao mesmo tempo que o Espírito Santo falava comigo, também falava com a Telma, que estava buscando uma resposta de Deus para sua vida amorosa. Ela estava insatisfeita com o rumo do seu namoro e desejava conhecer aquele que seria seu esposo.

Já conhecia a Telma há quase um ano, mas estávamos sem contato fazia um bom tempo. Não muito tempo depois tivemos a oportunidade de conversar e aquele rapaz meio tímido estava cheio de disposição e coragem para pedi-la em namoro. No meu coração eu tinha convicção de que nos daríamos bem e nos casaríamos. E tem sido exatamente assim, mas tudo começou quando me senti só.

As pessoas hoje tem tantas ocupações que não conseguem se sentir só quase nunca, ou então, sentem-se assim apenas quando estão em seus quartos, sozinhas, mas quando saem dali se envolvem com tudo que há na vida, o que dissipa o desejo do seu coração.

Além disto, há hoje em dia um movimento de aproveitar o máximo que se pode, sem se responsabilizar pelo outro. A isto chamamos egoísmo.

O versículo acima também nos diz que será uma auxiliadora idônea. O Salmo 46:1 usa o mesmo termo hebraico para auxílio, com as características de socorro, refúgio e suporte. Socorro nos momentos de angústia e dificuldades; refúgio emocional mútuo; e suporte quando estamos fracos.

Este auxílio ocorre sem estar condicionado ao momento, seja de alegria ou tristeza. Isto pressupõe lealdade, companheirismo, fidelidade e aliança de compromissos.

A solidão tem causado feridas tão graves nas pessoas porque lhes falta este tipo de apoio em suas vidas, que Deus planejou recebermos dentro de um casamento em aliança.

As pessoas ressaltam a fragilidade feminina nestas áreas, sendo isto real, mas Deus deixa bem claro quanto o homem necessita que a mulher supra esta carência para ele e vice-versa. O homem carece de apoio e Deus planejou supri-lo através do casamento.

O homem deixa de ser um ente solitário para ser um ente social a partir do momento em que se une à sua mulher.

PARA EXERCITAR COM SEU CÔNJUGE

Você já sentiu a necessidade de ter alguém ao seu lado?
Como você pode auxiliar mais o seu cônjuge nas questões emocionais?

Pai celestial, que eu possa suprir as necessidades emocionais de meu cônjuge conforme o Senhor planejou para o casamento. Que eu possa suprir todo o socorro, refúgio e suporte que meu cônjuge precisa. Para isto, que eu receba de Ti tudo que minha alma necessita. Disponho-me ao Teu agir em mim. Amém!

 

ICHTUS
Uma Parceria Diária Com Deus

 


Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.