Reflexão

O fim do mundo e o tempo de Advento



Será que teremos Natal neste ano de 2012?

Estaremos reunidos com amigos e familiares para comemorar o nascimento do nosso Salvador Jesus Cristo?

O que você acha?

Para algumas pessoas que acreditam que o Calendário Maia marca o fim do mundo no dia 21/12/12, não chegaremos a comemorar o Natal. Porém, muitos estudiosos e historiadores sérios acreditam que os Maias não predisseram nenhum fim do mundo para esta data. A mídia, os místicos e os seguidores da Nova Era foram os que exploraram esse registro histórico de um povo antigo para gerar inquietação nas pessoas que buscam respostas sobre o futuro.

Um dos mais antigos desejos humanos é a previsão do futuro. Somos os únicos seres vivos que temos a percepção de um futuro próximo ou distante. Por conta disto, somos levados a desenvolver uma imaginação muito fértil em relação às coisas que estão por acontecer. O futuro tem fascinado pensadores, teólogos, escritores, religiosos, misticos, pesquisadores e outros que buscam entendê-lo e representá-lo para dar sentido à vida no presente.

O que a Biblia nos ensina sobre o fim dos tempos? A Palavra de Deus nos fala sobre as “últimas coisas”, que na teologia chamamos de Escatologia. Tanto no Antigo Testamento (Daniel, Ezequiel, Isaias) quanto no Novo Testamento, temos registros de um novo tempo, um novo céu, uma nova terra que está por se concretizar na história da humanidade. Os Evangelhos registram várias palavras de Jesus sobre o fim (Mt 24; 25; Lc 21) mas quero destacar dois versículos: “Quanto ao dia e a hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão somente o Pai” Mt 24.36 “Portanto, vigiem, porque vocês nao sabem em que dia virá o seu Senhor” Mt 24.42 Um dos livros que mais desperta curiosidade sobre o fim dos tempos é o Apocalipse de João que em linguagem simbólica fala de uma nova realidade que está por vir.

Estes livros das Escritura que registram textos sobre o fim muitas vezes são vistos apenas como uma literatura que nos promete sofrimentos e males. Mas na verdade eles querem nos lembrar de que já vivemos tempos dificeis, e que há uma esperança que nos move a olhar para o Autor e Consumador da nossa fé. O teólogo Jürgen Moltmann, reconhece: “nós não somos só interpretes do futuro, mas já os colaboradores do futuro, cuja força , na esperança como na realização é o próprio Deus”.

Estamos vivenciando mais um tempo de Advento! Isto nos lembra de que Deus veio ao nosso encontro para nos resgatar e nos reconciliar com Ele através de Jesus Cristo. Assim como, nos lembra de que o mesmo Jesus que veio, um dia virá para implantar definitivamente o Seu Reino e acabar com todo o sofrimento, poderes infernais e morte.

Quero motivar a Comunidade do Redentor a não apenas neste tempo de advento promover cantatas e encontros natalinos mas a celebrar o verdadeiro sentido do Advento. Ser uma igreja que promova esperança, que semeia no presente a fé cristã, que imprima no coração das pessoas os sinais de justiça e de amor que refletem o Reino de Deus entre nós. Que saibamos cantar com alegria o canto dos primeiros cristãos: Maranata! Ó vem Senhor Jesus!

Pr. Marcos Antonio da Silva


Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.