Educação

Escolas recebem 40 milhões de cartilhas sobre alimentação saudável
04-07-2006 17:45

Brasília - Alunos de escolas públicas de todo país estão sendo incentivados a adotar hábitos alimentares saudáveis. O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome iniciou a distribuição de 40 milhões de cartilhas educativas para os alunos das 140 mil escolas de 1ª a 4ª séries. Os professores vão receber um material de apoio para trabalhar o tema em sala de aula. Ao todo, serão entregues 700 mil cadernos sobre o assunto.

As publicações trazem personagens infantis das histórias de Monteiro Lobato em Sítio do Pica Pau Amarelo. Nos quadrinhos, eles explicam o que é a obesidade e os prejuízos da má alimentação. Com isso, as crianças aprendem, brincando, a adotar novos hábitos.

A iniciativa faz parte do projeto Criança Saudável, Educação Dez desenvolvido pelo Ministério do Desenvolvimento Social em parceria com os ministérios da Saúde e da Educação, e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a Editora Globo e os Correios.

O diretor do departamento de apoio a projetos especiais do especiais do Ministério do Desenvolvimento Social, Marco Aurélio Loureiro, lembra que há um grande apelo comercial para alimentos muitas vezes pobres em nutrientes, o que contribuiipara o aumento da obesidade entre as crianças.

"A formação dos hábitos alimentares se dá na infância. A idéia é trabalhar com essas crianças para que nessa fase de desenvolvimento e de culturação elas tenham uma percepção de como é importante para elas no futuro e já no presente ter uma alimentação saudável", ressaçta Loureiro.

O diretor lembra que a obesidade é um problema cada vez mais comum entre os jovens brasileiros das classes média e alta. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nos últimos 30 anos, o número de crianças e jovens acima do peso cresceu mais de 10%.

Valtemir Rodrigues
Da Voz do Brasil
GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado