Empresa

Copel anuncia que tem interesse em disputar leilão de novas usinas
09-06-2008 09:40

A Copel está declarando publicamente seu interesse em disputar o leilão de compra de energia elétrica proveniente de novos empreendimentos de geração, previsto pela Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel para acontecer em 28 de agosto. O documento, cuja íntegra está disponível na página da empresa na internet (www.copel.com), informa que a participação da Copel no leilão pode se dar de forma isolada ou em parceria com outros empreendedores caso seja colocado em disputa algum novo aproveitamento localizado dentro do Estado do Paraná.

Junto com a declaração de interesse, a estatal lança uma chamada pública para empresas fornecedoras de bens e serviços de engenharia que tenham interesse, caso a Aneel inclua no edital algum aproveitamento no Paraná, em estabelecer um pré-contrato que permita à Copel participar competitivamente do leilão.

A partir da manifestação oficial e pública de que pretende disputar esse leilão, a subsidiária de geração e transmissão de energia da Copel aguardará a formalização de interesse por parte de empresas que atuem nas áreas de serviços de engenharia, fornecimento de equipamentos e serviços de construção.

Expectativas

O edital do leilão para novas usinas que a Aneel pretende promover ainda não foi publicado, mas existe possibilidade de que nele possam estar incluídos empreendimentos situados em território paranaense. “Até que o edital seja lançado e publicado só existem expectativas, pois a Aneel só pode habilitar ao seu leilão aproveitamentos que possuam a Licença Prévia emitida pelas autoridades ambientais competentes”, adiantou o presidente da Copel, Rubens Ghilardi.

“Para poupar tempo e começar a preparar adequadamente a empresa para competir por essas possíveis concessões no Paraná, estamos declarando desde já nosso interesse e convidando os fornecedores de bens e serviços para que iniciem entendimentos entre si e manifestem à Copel sua intenção em vir a compor uma proposta que nos seja apresentada tão logo o edital da Aneel, caso contenha algum aproveitamento no Paraná, seja publicado”.

Ghilardi lembrou que o planejamento estratégico da Copel para novas obras de geração delega condição de prioridade à disputa pelos aproveitamentos a serem construídos em território paranaense. “Seguindo a orientação que nos foi dada pelo governador Roberto Requião, a Copel quer ser competitiva em todos os lugares, mas imbatível no Paraná”, concluiu.

O informe que está sendo divulgado pela Copel observa aos potenciais interessados que esta chamada pública não cria qualquer obrigação ou vínculo por parte da estatal, pois não há como prever se a Aneel incluirá no leilão a disputa por algum novo empreendimento no Paraná ou mesmo as condições como esses eventuais aproveitamentos serão colocados em disputa.


AEN
Foto SECS


GUIASJP - Um serviço POW Internet
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.