Serviços Públicos

Rede metropolitana integrada adota novo vale transporte
11-02-2015 14:36

Passageiros das linhas de ônibus metropolitanas que fazem parte da rede integrada com Curitiba usarão, a partir de sábado (14), um novo vale transporte. A adoção do vale antecede a implantação do cartão metropolitano, que substituirá o cartão transporte emitido pela Urbs.

A mudança é necessária após a desintegração financeira do sistema, decidida pela prefeitura de Curitiba.

A partir de sábado, passageiros que usam a rede integrada de municípios da região metropolitana em direção a Curitiba devem pagar a passagem com o novo vale transporte ou em dinheiro.

O vale, em papel, pode ser adquirido no Centro de Curitiba (Rua Benjamin Constant, 148) ou nos terminais metropolitanos.

Nos ônibus de Curitiba em direção aos municípios da região metropolitana, deve ser usado o cartão da Urbs. O valor da passagem não muda em nenhum dos casos, continua em R$ 3,30.

PARA MANTER INTEGRAÇÃO - “A mudança exigirá um período de adaptação, mas temos que adotar esse novo modelo por conta da decisão de Curitiba, de acabar com a integração financeira”, afirma o presidente da Coordenação da Região metropolitana de Curitiba (Comec), Omar Akel.

A gestão financeira da rede metropolitana foi assumida pela Comec, que está adequando o sistema à nova realidade. “Estamos adotando essas medidas com um objetivo maior, que é o de manter a integração e o valor da passagem”, diz Akel.

ALTERAÇÃO DE LOCAL - A partir de sábado, também haverá alteração no local de integração de quatro linhas Ligeirinho metropolitanas integradas. A linha (Ligeirinho) Colombo-CIC terá seu ponto de integração no terminal do Cabral. O ponto de integração do Ligeirinho Araucária-Curitiba passará a ser o terminal do Capão Raso. Passageiros da linha São José-Barreirinha terão como ponto de integração o terminal do Boqueirão. E a linha Campo Largo-Curitiba terá como ponto de integração o terminal do Campina do Siqueira.

PERGUNTAS E RESPOSTAS

A integração metropolitana vai acabar?

Não. A Comec faz adequações no sistema para manter a integração e o preço da passagem

Que tipo de Vale Transporte será aceito nas linhas metropolitanas integradas?

Temporariamente, será necessária a utilização de um Vale Transporte de papel até a implantação da bilhetagem eletrônica (cartão metropolitano).

Uso o transporte metropolitano integrado. Como devo proceder no pagamento da passagem?

Nos ônibus, tubos e terminais identificados com "M" serão aceitos o Vale Transporte de papel e dinheiro. Em São José dos Pinhais poderá ser aceito o cartão transporte VEM.

Como e onde consigo o Vale Transporte de papel?

O Vale Transporte de Papel poderá ser adquirido a partir de 11 de fevereiro na Metrocard (Rua Benjamin Constant, 148, Centro, Curitiba) e nos terminais metropolitanos. Informações pelo telefone: 3093 3232.

O Cartão Transporte da URBS (linhas urbanas) será aceito nos ônibus, tubos e terminais metropolitanos integrados?

Não. Assim como o Vale Transporte de papel não será aceito nos ônibus, tubos e terminais urbanos integrados.

Comprei antecipadamente créditos para o Cartão Transporte da Urbs. O que acontece com esses créditos?

Não serão perdidos. Continuam valendo para os ônibus, tubos e terminais integrados de Curitiba


Agência Estadual de Notícias
GUIASJP - Um serviço POW Internet
POW INTERNET
<

Nenhum item encontrado

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.