Mensagem do dia

Mensagem do Dia 06 -> Quando a melhor resposta é o silêncio



Leitura: 2 Reis 18.36-37

Mas o povo permaneceu calado e nada disse em resposta... (v. 36)

Saiúqeze teve de ficar esperando longos e inquietantes meses, enquanto aguardava a decisão dos tribunais. Ele se apegava mais e mais ao seu Deus. Agradecia-lhe também pelas provações e humilhações. Era um tempo de recolhimento e silêncio. Mesmo assim, a causa continuava rolando nos tribunais de apelação. Saiúqeze vinha vencendo a desgastante batalha jurídica. Os tribunais confirmavam a legitimidade dos seus produtos, denunciando os rivais e os interesses econômicos destes.
Então, a decisão final foi dada. Saiúqeze e sua empresa foram inocentados. Isso lhe permitiria, agora, exigir uma indenização por danos morais. Mas ele desistiu dessa causa. Via a sua vitória como uma interferência da graça de Deus e, agradecido, entregou-lhe seu futuro.
O povo que estava apinhado sobre as muralhas que cercam Jerusalém ouvira a proposta do Rei da Assíria. Ela não era atraente, pois de qualquer jeito implicava o exílio (v. 31s). E, conforme o rei Ezequias lhes recomendara, não deram resposta. Diante do dilema, os colaboradores voltaram à presença de Ezequias, com as vestes rasgadas em sinal de grande contrição e humilhação.
O silêncio é uma boa resposta quando somos provocados. O inimigo quer humilhar-nos e atiçar para sairmos a um campo de batalha, onde, indefesos, não teremos chance de nos opor. Esse silêncio não é sinal de fraqueza, mas de poder. Quando o povo ficou calado, o comandante de campo da Assíria começou a perceber que sua tática falhara. Na próxima semana, veremos como Deus interfere e faz justiça a seu tempo e da sua maneira.


Oração: Senhor, ajuda-nos a ficar calados quando alguém rir de nossa fé ou quiser minar nossa confiança em ti. Amém.

Orando em Família.
Diariamente uma mensagem nova para você e sua família. Conheça o site do Movimento Encontrão. Clique aqui!

Veja mais Mensagem do dia

Mensagem do Dia 06-> Quando a melhor resposta é o silêncio



Leitura: 2 Reis 18.36-37

Mas o povo permaneceu calado e nada disse em resposta... (v. 36)

Saiúqeze teve de ficar esperando longos e inquietantes meses, enquanto aguardava a decisão dos tribunais. Ele se apegava mais e mais ao seu Deus. Agradecia-lhe também pelas provações e humilhações. Era um tempo de recolhimento e silêncio. Mesmo assim, a causa continuava rolando nos tribunais de apelação. Saiúqeze vinha vencendo a desgastante batalha jurídica. Os tribunais confirmavam a legitimidade dos seus produtos, denunciando os rivais e os interesses econômicos destes.
Então, a decisão final foi dada. Saiúqeze e sua empresa foram inocentados. Isso lhe permitiria, agora, exigir uma indenização por danos morais. Mas ele desistiu dessa causa. Via a sua vitória como uma interferência da graça de Deus e, agradecido, entregou-lhe seu futuro.
O povo que estava apinhado sobre as muralhas que cercam Jerusalém ouvira a proposta do Rei da Assíria. Ela não era atraente, pois de qualquer jeito implicava o exílio (v. 31s). E, conforme o rei Ezequias lhes recomendara, não deram resposta. Diante do dilema, os colaboradores voltaram à presença de Ezequias, com as vestes rasgadas em sinal de grande contrição e humilhação.
O silêncio é uma boa resposta quando somos provocados. O inimigo quer humilhar-nos e atiçar para sairmos a um campo de batalha, onde, indefesos, não teremos chance de nos opor. Esse silêncio não é sinal de fraqueza, mas de poder. Quando o povo ficou calado, o comandante de campo da Assíria começou a perceber que sua tática falhara. Na próxima semana, veremos como Deus interfere e faz justiça a seu tempo e da sua maneira.


Oração: Senhor, ajuda-nos a ficar calados quando alguém rir de nossa fé ou quiser minar nossa confiança em ti. Amém.


Orando em família. Diariamente uma mensagem nova para você e sua família. Conheça o site do Movimento Encontrão. Clique aqui!
Veja mais Mensagem do dia

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.