Reflexão

A Fé Começa Em Casa – Fontes de Ataque ao Casamento



Que ninguém procure somente os seus próprios interesses, mas também os dos outros. (Filipenses 2:4)

Ao olhar o título você deve ter pensado sobre ataques contra seu casamento a partir de pessoas de fora do seu relacionamento, por desconhecidos, enfim, alguém ao seu redor. Realmente isto pode acontecer, mas na maioria das vezes, se tratarmos apenas este aspecto, deixaremos de fora os reais motivos que trazem problemas no relacionamento matrimonial.

Precisamos achar os verdadeiros motivos dos problemas conjugais e trataremos disto – raízes e causas, buscando caminhos para eliminar ou minimizar suas ações.

Conhecer a natureza humana nos leva a um caminho de auto análise que nos faz perceber que não somos os únicos certos, ou que temos o melhor ponto de vista ou que nunca erramos. Ou ainda, de que somos perseguidos e a pior das criaturas da face da terra.

Nós até entendemos racionalmente as afirmações acima, mas nossas atitudes e palavras demonstram o contrário. O que temos dentro de nós que aparece no nosso relacionamento conjugal trazendo dificuldades?

O ser humano foi criado à imagem e semelhança de Deus, mas o pecado distorceu esta natureza tornando-a enferma e passamos a ser apenas uma feia caricatura de Deus. Estas características com as quais nascemos nos influenciam de maneira tremenda em nosso relacionamento com o próximo – nascemos egoístas.

Desde que nascemos, passamos a pensar que o mundo gravita em torno de nós. Muita gente pensa que seu cônjuge veio ao mundo para servi-lo(a).

Se é o esposo, pensa que não precisa fazer nada em casa, pois já trabalha fora para trazer o sustento para casa. Lavar uma louça é coisa do outro mundo, nem pensar nisto. Ajudar a recolher uma roupa ou mesmo colocar no cesto de roupas sujas não é sua tarefa.

Se é a esposa, nem pensa em fazer qualquer tipo de economia em casa ou mesmo auxiliar o marido no sustento. Isto não é comigo, ele que se vire.

Deveríamos fazer ao outro o que gostaríamos que fizessem conosco.

Às vezes, carregamos dentro de nós uma má vontade infantil, por tudo, e isso nos impede de crescer. Como diz a Telma, minha esposa – crescer dói, e muita gente não quer a dor do crescimento sobre si e se resigna a uma vida medíocre, sem sentido e sem desfrutar das bênçãos de Deus na própria vida e no casamento. A máxima deste tipo de gente é:

— Quem me quiser tem que me aceitar do jeito como sou!

Ai está nosso EU ocupando todo o espaço disponível em nossas vidas. Ficamos andando para lá e para cá admirando o nosso precioso ego em toda sua sabedoria e dimensão, e o sujeito ainda quer que tudo vá bem na sua vida conjugal e não entende porque seu cônjuge não muda para a maneira que ele(a) deseja.

Só quando aprendermos a sair desta redoma e nos abrirmos para nosso cônjuge e para as demais pessoas é que poderemos aceitar com disposição o que vem de fora.

Certa vez, estava sendo tratado por Deus numa certa área da vida, e a Telma estava sendo usada por Ele para isto e eu não tinha prestado atenção. Um dia eu percebi que precisava mudar naquele tema e pedi a Deus:

— Senhor, envia alguém que possa me orientar como devo proceder em relação a este assunto.

Imediatamente ouvi a voz do Espírito Santo dizendo atrás de mim, como diz em Isaías 30:21:

— Coloquei a sua esposa ao seu lado para te dizer o que está no meu coração!

Uau!!!! Esta resposta me quebrou, foi inesperada. Da mesma maneira, um dia reclamei com Ele sobre uma atitude da Telma, e recebi resposta semelhante:

— É tua responsabilidade como marido ensiná-la com amor a crescer como pessoa.

Puxa, de novo quebrando minhas pernas!!!

Deus criou o casamento também como um aperfeiçoamento para cada um de nós. Sempre que olhamos para isto como um problema, há divisão e talvez separação, sempre que olhamos para isto como uma bênção, somos edificados, crescemos como pessoa e espiritualmente e nosso casamento melhora, indo na direção do que Deus planejou.

PARA EXERCITAR COM SEU CÔNJUGE

No que temos buscado nosso próprio interesse?
Levo em consideração as opiniões do meu cônjuge e reflito sobre isto?

Pai celestial, sou grato a Ti por ter colocado meu cônjuge ao meu lado. Sei que o Senhor colocou a pessoa certa ao meu lado, que está me ensinando a ser melhor a cada dia. Dá-me entendimento para que possa crescer com sabedoria todos os dias. Amém!

Luis Antonio Luize

 


Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.