Reflexão

Crescendo em Oração – Bendizer



Da mesma boca procedem bênção e maldição. Meus irmãos, não pode ser assim! (Tiago 3:10)

Ainda que este texto esteja no contexto de um ensino sobre o uso da língua, gostaria de atentar ao aspecto de bendizer, de abençoar, de falar bem – mas em oração. Não vamos tirar do contexto, vamos apenas analisar do ponto de vista de que ao orar também falamos. Me parece que, na maioria das vezes, oramos em voz audível, mas mesmo quando pensamos, fazendo uma oração silenciosa, sem som, usamos palavras. São palavras da mesma forma, e a boca derrama aquilo de que o coração está cheio.

Devemos desenvolver uma atitude de oração na qual gastamos tempo bendizendo, abençoando. Eu tenho praticado isso pessoalmente e tenho experimentado um tempo muito agradável com Deus. Podemos bendizer pessoas – pais, amigos, pastores, colegas, discípulos, vizinhos… Podemos bendizer a igreja. Podemos bendizer as pessoas investidas de autoridade. Podemos bendizer o emprego que temos, ou qualquer outra fonte de renda que Deus nos tenha concedido.

Mas de tudo e de todos que merecem ser alvo de nossas palavras, eu creio realmente que devemos nos dedicar intensamente a bendizer a Deus, falar bem de Seu Santo Nome, de Sua Majestade, Sua Santidade, Sua Bondade, enfim, aquilo que Ele é. Bendizer é falar bem, e no caso de Deus não é difícil encontrar atributos inspiradores para bendizer.

Se isso fosse algo fácil e natural todos fariam, mas infelizmente está fora do foco das orações que tenho visto e ouvido. Ouvimos muita oração pedindo, pedindo e pedindo mais. Tenho total convicção de que se pedirmos menos e bendizermos mais, acabaremos recebendo mais. Crescer em oração diante de Deus implica em pedir menos e menos, adorando e bendizendo mais e mais.

É um desafio bem interessante, principalmente se começarmos bem agora, neste momento.

“Senhor, eu reconheço Tua Santidade, Teu Amor por mim e Tua Perfeição. Entendo e reconheço que só Tu és Deus e não há outro. Bendigo Teu Nome em toda Terra.”

Mário Fernandez


ICHTUS, vem do grego ixtus, que significa peixe. Era o símbolo dos cristãos primitivos perseguidos pelo poder romano. As letras eram as iniciais das palavras Iesus Xristos Theos Huios Sopter (Jesus Cristo, Filho de Deus, o Salvador).

Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.