Reflexão

O Começo de Tudo - 2



Alguns meses após iniciar o site comecei a estruturar um serviço para envio de mensagens periódicas. O que me inspirava era a parábola do mestre e do discípulo (que eu publiquei a última vez aqui). Aquilo que repetidamente ocupa nossos pensamentos acaba por moldar nossas atitudes e comportamentos, por isso a importância de meditar diariamente na Palavra de Deus.

Como ainda não tinha experiência suficiente para escrever a quantidade que precisava para viabilizar o serviço, um dia orei e pedi a Deus que, de alguma maneira, providenciasse o material necessário. Fiz essa oração numa quinta ou sexta-feira. Já no domingo a resposta veio. Um pastor de Londrina enviou um email para mim oferecendo 120 mensagens que ele havia escrito para os boletins da igreja dele. Assim, as mensagens do Rev. Antonio Carlos Barro viabilizaram o início do nosso serviço de devocionais que cresceu dos cinquenta primeiros assinantes para quase 2000.

Quando as mensagens do Rev. Antonio Carlos estavam acabando ele avisou que devido as suas ocupações como diretor da Faculdade Teológica Sul Americana não permitiriam que ele prosseguisse escrevendo. Então comecei a pedir a Deus que enviasse outra pessoa, pois o serviço havia sido bem aceito e a lista de assinantes estava crescendo toda semana. Já perto de acabar o estoque e ainda sem um autor substituto pedi a um amigo de seminário e de profissão, Mário Fernandez, que escrevesse “uma meia dúzia de mensagens” para cobrir o tempo que precisava para achar outro autor. Quando acabaram aquelas mensagens, sem outras para mandar, pedi novamente que ele escreve mais “uma meia dúzia”.

Pois é, de meia dúzia em meia dúzia, ele já está com mais 900 mensagens enviadas. O que era para ser apenas uma ajuda temporária despertou um talento.

Essa experiência me permite tirar três conclusões:

1. Quando entender que Deus está abrindo uma oportunidade, não ache empecilhos mas comece a viabilizar crendo que Deus trará os recursos necessários para que o trabalho aconteça.

A obra é de Deus e Ele é o maior interessado em que ela aconteça. Na hora certa, no lugar certo e da maneira certa, Ele fará com que aquilo que é necessário para a obra acontecer chegue onde for necessário. Ore por cada necessidade e continue trabalhando com confiança.

2. Reconheça quando você não for a pessoa certa ou não tiver capacidade para o trabalho necessário e peça que Deus mande cooperadores.

Muitos ministérios acabam atravancados pois aqueles que Deus chamou para fazê-los não compreendem que muitas vezes Deus quer que outras pessoas participem dele. Paulo usa a figura dos membros do corpo para mostrar que cada um tem um papel a desempenhar na obra. Assim, peça a Deus para mandar as pessoas certas para suprir as necessidades ou deficiências. Infelizmente, muitos travam nesta hora pois não querem dividir as “glórias” ou o reconhecimento pelo trabalho com outras pessoas.

3. Entenda que todo projeto tem momentos de transição e aproveite para aprender deles.

Pessoas saem, pessoas entram. Necessidades são supridas e outras aparecerem. Ministérios se fazem necessários agora e no futuro podem se tornar irrelevantes. Deus conduzirá você e seu trabalho da maneira que Ele achar melhor. Fique atento para a direção que Ele quer que você siga. Muitas vezes nestas transições você descobrirá dons e talentos em você mesmo ou em outros que não sabia e que Deus usou esta situação para revelar.

Vinicios Torres
ICHTUS.com.br é organizado e publicado por Vinicios Torres e Mário Fernandez e tem o propósito de servir à edificação do Povo de Deus. Enfatiza a fidelidade aos princípios da Palavra de Deus e o compromisso de capacitar-se pelo poder do Espírito Santo a fazer diferença na comunidade onde vive. ICHTUS não tem vinculação denominacional.

Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.