Reflexão

O que significa Buscar o Reino e a sua Justiça?



Disse Jesus: Busquem em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça. Porque aonde estiver o seu tesouro aí está o seu coração (MT 6.33 e 5.21)

Este mês estamos estudando sobre a justiça baseada no amor. Eu gostaria de nesta pequena reflexão pensarmos sobre um aspecto que aparentemente não estabelecemos relação nenhuma com a questão da justiça: uma vida simples.

A lógica do capitalismo está alicerçada principalmente em dois pilares principais: no consumo e na lei da oferta e procura. O consumo é que alimenta o capitalismo, ou seja, eu preciso ter dinheiro, retê-lo para que eu possa comprar. Quanto mais eu acumulo, tanto mais será o meu “poder de compra” e tanto mais importante eu sou para manter esta máquina do capitalismo andando.

A grande mentira do capitalismo é que se você se esforçar, trabalhar se empenhar você vai conseguir “reter” e com isto comprar mais e mais. Mas na prática não é isto que acontece. Para que uns possam “reter” muitos outros não terão quase nada. Neste sistema não é possível que todos tenham o que acumular. Quanto mais você retém, menos os outros terão. Então não reter significará uma possibilidade em que outros poderão ter mais e assim viver uma vida mais digna.

Quando falo em não reter me refiro a não comprar o que não se precisa, ou a trocar eletroeletrônicos, ou outros bens duráveis de forma desnecessária. Na medida em que eu estabeleço para mim um modo de vida simples, trabalhando em minha casa com uma relação de contentamento, de ter o suficiente, apenas o necessário eu começo a perceber que é possível se viver com muito menos do que eu vivo e passo a experimentar um cuidado diferente da parte de Deus. E na medida que, sinceramente eu me disponho a já repartir o que eu tenho, irei experimentar uma satisfação muito maior do que reter.

Jesus nos adverte dizendo que somos peregrinos nesta terra e que nossos olhos deveriam estar voltados para o céu onde a traça e a ferrugem não corroem. Isto significa que devemos viver uma vida mais despojada nos empenhando para que aqui e agora pessoas possam ter uma vida mais digna e dignamente possam ser mais gente. Isto significa que devemos ter uma atitude deliberada com nossas coisas em nossa casa desde o nosso guardaroupa e o modelo de carro que compramos.

Portanto, justiça do Reino começa com a forma que nós gastamos e investimos os nossos próprios recursos pessoais e no Reino de Deus. Que Deus nos dê sabedoria e sensibilidade para administrarmos nosso dinheiro.

Samuel Scheffler

Veja mais Reflexão

Um serviço: Logo POW Internet

"Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo." 1CO 1:3

O sangue de Jesus Cristo, filho do Deus vivo, te purifica de todos os pecados.